Nuvem ou backup local: qual a melhor forma de armazenamento?

Nuvem ou backup local: qual a melhor forma de armazenamento?

Os dados angariados pelas empresas, seja de informações de clientes ou histórico de vendas, por exemplo, conferem um importante diferencial competitivo para tais organizações. E o procedimento mais importante para mantê-los protegidos é o backup de dados, ou cópia de segurança, uma espécie de local alternativo de armazenamento que evita que a sua empresa perca dados críticos em virtude de eventualidades como desastres físicos ou ataques digitais.

Os principais tipos de armazenamento são o backup físico (ou local) e o backup na nuvem. Peculiaridades à parte, ambos favorecem não apenas a segurança dos dados, como também a recuperação rápida deles quando houver necessidade, sem interferir nos processos internos.

Mas, afinal, qual a melhor forma de armazenamento: nuvem ou backup local? Na sequência do artigo, você entenderá as diferenças entre elas e qual o modelo mais aplicável ao seu negócio.

Backup local

O backup local ou backup físico pode ser feito em fita ou, mais comumente, em disco rígido (HD externo).

A grande vantagem de quem opta pelos HDs é a possibilidade de ele estar sempre à mão, sem que ninguém tenha acesso aos seus dados. Ademais, o fato de ficarem na própria empresa possibilita uma atualização diária.

A grande desvantagem, como é de se esperar, é a fragilidade desse dispositivo. Um HD externo está suscetível a roubos e danos, além de desastres naturais, incêndios e outras eventualidades. A partir do momento que você confia nele como única opção de backup, uma falha pode fazer a sua empresa perder todos os seus dados.

Empresas que optam pelo backup local normalmente investem em uma solução profissional de armazenamento físico, como um servidor dedicado, por exemplo. Ainda assim, no geral, um sistema de backup local envolve grandes custos com energia elétrica, manutenções e atualizações.

Backup na nuvem

O backup em nuvem é uma solução mais moderna e tem ganhado bastante adesão das empresas. Nesse sistema, os dados ficam armazenados em um data center administrado por um terceiro contratado para essa finalidade.

O cloud backup traz vantagens importantes. Ao contrário dos HDs externos, esta solução permite o armazenamento dos dados em um local totalmente seguro contra roubos e desastres naturais. Outra vantagem deste tipo de backup está na mobilidade: os dados podem ser acessados de qualquer lugar, inclusive a partir de um smartphone. Basta uma conexão de internet e, obviamente, que você tenha permissão de acesso para tal finalidade.

Outra vantagem é que a capacidade de armazenamento é flexível, ou seja, ela se adapta à demanda que a sua empresa consegue suportar. O principal ponto negativo é uma restauração mais demorada, dependendo do seu volume de dados e da velocidade da rede de internet.

Qual a melhor solução?

É inegável que o backup na nuvem oferece vantagens tentadoras, como a mobilidade, flexibilidade, redução de custos e escalabilidade. Mas o ideal é combiná-lo também com um backup físico. Afinal, o armazenamento local pode ser decisivo para dinamizar a recuperação de arquivos essenciais em caso de perda.

Está à procura de uma solução de backup para o seu negócio? Clique aqui https://elobackup.com.br/planos/ e conheça nossas opções!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress and WHMCS integration by i-Plugins