Qual a diferença entre backup e disaster recovery?

Qual a diferença entre backup e disaster recovery?

Na era digital, a informação assume uma importância incalculável para as empresas. Por isso, tais corporações se veem obrigadas a adotar políticas de proteção desses dados. Afinal, desde eventualidades como um ataque hacker até um desastre natural, sua empresa não pode se dar ao luxo de ter seu funcionamento interrompido. Como se diz na linguagem popular, tempo é dinheiro.

Esse risco pode ser mitigado a partir de vários fatores. No entanto, muitas vezes esses conceitos se misturam e causam confusão. Um exemplo é o backup de dados e o chamado disaster recovery, que muitos erroneamente julgam ser a mesma coisa. Mas, afinal, qual a diferença entre essas duas políticas? E de qual solução a minha empresa precisa? Descubra na sequência do artigo.

Entenda o backup de dados

O backup de dados, ou cópia de segurança, é uma técnica que consiste em fazer uma cópia das informações fora do ambiente de trabalho. Isso permite que, caso haja alguma das eventualidades supracitadas, sua empresa está apta a restaurar seus dados.

O backup de dados pode ser feito de duas maneiras. Há o backup local, que consiste na cópia em uma fita ou disco rígido (HD externo), ou simplesmente na contratação de um servidor dedicado; e também o backup na nuvem, uma modalidade mais moderna, onde as informações ficam armazenadas em um data center externo, sem que suas informações estejam a mercê de ransomwares ou quaisquer tipo de falhas em softwares e hardwares.

O que é disaster recovery

Obviamente, o disaster recovery tem o mesmo princípio da política de backup: garantir acesso às informações críticas mesmo em caso de imprevistos. No entanto, trata-se de uma política de segurança mais complexa e profunda, que consiste em um processo documentado de como identificar de forma ágil onde estão os dados de backup e como restaurá-los da maneira correta.

Portanto, o disaster recovery tem uma política voltada não apenas para a recuperação dos arquivos, mas também para garantir a disponibilidade dos negócios de seu cliente da forma mais rápida possível em caso de interrupção.

De qual solução minha empresa precisa?

Como é possível perceber, o backup de dados é uma parte de um plano de disaster recovery. Entretanto, ainda que sejam conceitos diferentes, obviamente um está relacionado diretamente ao outro, o que inviabiliza simplesmente a escolha entre um e outro se você preza por um ambiente realmente seguro.

Se a sua empresa depende de uma determinada infraestrutura para realizar sua operação, um plano de disaster recovery é absolutamente necessário. Afinal, sem infraestrutura não há negócio.

Imagine um supermercado que enfrente uma falha no software de frente de caixa em um horário de pico, por exemplo. Não basta apenas que você tenha a cópia dos seus dados, é preciso ter um caminho preestabelecido para que sua operação comercial não seja interrompida de forma crítica e, consequentemente, traga prejuízo à imagem do negócio e, obviamente, financeiro.

Entendeu a importância do backup e do disaster recovery? Aproveite para clicar aqui e conhecer nossas soluções para a proteção dos dados do seu negócio!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress and WHMCS integration by i-Plugins